Introdução, Ciclo PDCA e ferramentas da Qualidade

Análise: Do grego ανάλυσις (transl. análysis, "dissolução"), é o processo de decomposição de uma substância ou tópico complexo em seus diversos elementos constituintes, a fim de se obter uma melhor compreensão sua. A técnica vem sendo aplicada no estudo da matemática e da lógica desde antes de Aristóteles, embora a análise como um conceito formal seja um desenvolvimento relativamente recente; foi utilizada por filósofos como Alhazen, Descartes, Galileu Galilei e Isaac Newton como um método prático para a descoberta de fenômenos físicos.

Solução: Ato ou efeito de solver; solvência. Resolução de qualquer dificuldade, questão, etc. Indicação das operações que se devem efeturar sobre os dados do problema para obter o valor das incógnitas. Decisão, despacho. Conclusão, desfecho, terminação, termo. Separação de coisas que estavam unidas antes. Sistema hoogênio com mais de um componente. Líquido que contém uma substância em dissolução. O líquido em que se dissolvem sais, extratos e outras substâncias solúveis.

Problema: Questão matemática proposta para ser resolvida. Questão difícil, delicada, suscetível de diversas soluções. Qualquer coisa de difícil explicação; mistério, enigma. Dúvida, questão.

Ponto de partida


Introduziremos em nossa vida a melhoria contínua, que pode ser encarada como uma metodologia mais conhecida como ciclo PDCA, que pode ser definido como um método gerencial para promover a melhoria contínua. O referido conceito foi desenvolvido por Deming.

As 4 fases do PDCA são:

- Plan (planejamento): estabelecer uma meta ou identificar o problema (um problema tem o sentido daquilo que impede o alcance dos resultados esperados, ou seja, o alcance da meta); analisar o fenômeno (analisar os dados relacionados ao problema); analisar o processo (descobrir as causas fundamentais dos problemas) e elaborar um plano de ação;

- Do (execução): realizar, executar as atividades conforme o plano de ação;

- Check (verificação): monitorar e avaliar periodicamente os resultados, avaliar processos e resultados, confrontando-os com o planejado, objetivos, especificações e estado desejado, consolidando as informações, eventualmente confeccionando relatórios. Atualizar ou implantar a gestão à vista;

- Action (ação): Agir de acordo com o avaliado e de acordo com os relatórios, eventualmente determinar e confeccionar novos planos de ação, de forma a melhorar a qualidade, eficiência e eficácia, aprimorando a execução e corrigindo eventuais falhas.

Ferramentas da qualidade

A Filosofia da Qualidade Total busca a satisfação e todos os meios que influem diretamente nas atividades de uma organização: as ferramentas da qualidade auxiliam neste processo, todas as ferramentas abaixo são utilizadas na Delphi para Análise e Solução de Problemas.

Brainstorm


O Brainstorm é utilizado para auxiliar um grupo a criar tantas ideias quanto possíveis, no menor espaço de tempo possível.

Diagrama de Pareto

O Diagrama de Pareto é utilizado quando for preciso ressaltar a importância relativa entre vários problemas de partida para a solução de um problema e/ou condição, avaliar um progresso ou identificar a causa básica de um problema e/ou condição.

Diagrama de Ishikawa


O Diagrama de Ishikawa (Espinha de Peixe), também conhecido como Diagrama de Causa e Efeito ou árvore de causas, é utilizado quando há necessidade de identificar, explorar e ressaltar todas as causas possíveis de um problema, onde o resultado obtido é utilizado nos 5 por quês.

5 por quês


5 Por quês é utilizado quando há necessidade de explorar e ressaltar os motivos por qual o problema ocorreu, realizando um rápido mapeamento do acontecimento, com o objetivo de encontrar a causa raiz.

5W2H - Plano de Ação


O 5W2H é utilizado quando há necessidade de se planejar e gerenciar ações para a resolução de problemas ou processos de melhorias.

-----------

Para aprofundar:

Manual de Ferramentas Da Qualidade

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é importante!! =D

Sobre mim!

Juliana Fernandes, estudante de 18 anos com sérios problemas mentais, inaugura seu 123343º blog, desta vez com o intuito de reunir o máximo de informação possível para o vestibular (e coisas mais!)
Junto ao seu fiel parceiro invisível, sem nome e inexistente, ela continua sua árdua tarefa de manter-se atualizada para não levar mais tapas da profª de Matemática de Pinhal City, a roça!!
Não perca o próximo capítulo dessa incrível aventura!!


"Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento."

- Clarice Lispetor


Tigrão do zoo de São Paulo!
Tecnologia do Blogger.

Seguidores~

Pesquisar...